Agendamento de exames das 8h às 12h30 e das 13h30 às 18h (51) 3217.4144 ou 99175.7817

Blog

O que é necessário saber sobre aneurisma da aorta abdominal?

 
O que é necessário saber sobre aneurisma da aorta abdominal?
A aorta é o maior vaso sanguíneo do corpo humano. Ela leva o sangue do coração para as artérias cerebrais, braços, abdômen, pernas e pelve. As paredes da aorta, se houver enfraquecimento, podem distender e formar uma bolsa em algum ponto, é o chamado de aneurisma da aorta. 

Os aneurismas podem se formar em qualquer vaso sanguíneo. No entanto, os aneurismas da aorta são considerados particularmente graves devido ao tamanho da aorta. Podem ocorrer aneurismas nas paredes da aorta no abdômen ou no tórax.

Os aneurismas da aorta abdominal podem se classificados pelo tamanho e pela velocidade  de crescimento, fatores estes que podem ajudar a prever o risco.

Os pequenos (menos de 5,5 centímetros) e/ou de crescimento lento geralmente têm um risco de ruptura menor do que aneurismas maiores ou aqueles que crescem mais rápido. Nestes casos é indicado monitorar com ecografias abdominais regulares.

Os grandes (maiores que 5,5 centímetros) e/ou de rápido crescimento são muito mais propensos a ruptura. Se houver rompimento há risco imediato tanto pela perda sanguínea como por outras complicações, que em geral são graves. 

A causa da formação de aneurismas provavelmente decorre de uma soma de vários fatores. Eles incluem:

Tabagismo: o tabaco pode danificar diretamente as paredes das artérias, tornando-as mais propensas a protuberância além de contribuir para o desenvolvimento de hipertensão arterial.

Hipertensão arterial elevada: a pressão arterial elevada pode enfraquecer as paredes da aorta e assim desenvolver um aneurisma.

Inflamação vascular (vasculite), acontece muito raramente mas, é uma situação que devido ao processo inflamatório há um enfraquecimento das paredes das artérias, podendo levar a formação de um aneurisma

Quem são as pessoas consideradas de maior risco de desenvolver um aneurisma da aorta abdominal?

  • Homens obesos ou acima do peso
  • Estar acima de 60 anos
  • Ser hipertenso
  • Tabagista
  • Sedentário
  • Ter histórico de trauma abdominal  

Quais são os sintomas de um aneurisma da aorta abdominal?

A maioria dos aneurismas não têm sintomas e são diagnosticados de forma casual, em exames de rotina. No caso de ser percebido uma massa pulsátil no abdômen o médico deverá ser consultado para avaliar a possibilidade de ser um aneurisma.

Na ruptura, os sintomas são em geral intensos: dor súbita no abdômen ou nas costas, aumento da frequência cardíaca, choque ou perda da consciência, necessitando imediato atendimento em serviço hospitalar.

A cirurgia abdominal aberta é usada para remover áreas comprometidas da aorta, é a forma mais invasiva de cirurgia e tem um tempo de recuperação mais longo. A cirurgia abdominal aberta pode ser necessária se seu aneurisma é muito grande ou já se rompeu. A correção  antes de haver complicações em geral tem bom prognóstico.

Como evitar um aneurisma da aorta abdominal?

Preocupar-se com a saúde pode prevenir um aneurisma. Isso significa uma alimentação adequada, fazer exercícios físicos, controlar a pressão arterial e não fumar. O teste de triagem e a ecografia abdominal, um exame acessível, indolor e altamente eficiente.
Fonte: http://www.healthline.com/health/abdominal-aortic-aneurysm#overview1
Data da publicação:

Exames relacionados   Eletrocardiograma

Eletrocardiograma

Exame destinado a registrar a atividade elétrica responsável pelos batimentos do coração. É indolor.
saiba mais
Ergometria, Eletrocardiograma de esforço, Teste ergométrico ou Cicloergometria

Ergometria, Eletrocardiograma de esforço, Teste ergométrico ou Cicloergometria

São algumas das diferentes formas de chamar o exame de esforço.
Na Cardiométodo pode ser realizado tanto na esteira rolante como na bicicleta ergométrica
saiba mais
Monitorização Residencial da Pressão Arterial - MRPA

Monitorização Residencial da Pressão Arterial - MRPA

Método de medida da pressão arterial chamado de monitorização residencial da pressão arterial (MRPA) utilizado tanto para confirmar o diagnóstico da hipertensão arterial como no acompanhamento e avaliação da eficácia da terapia anti-hipertensiva.
saiba mais

Deixe seu comentário  
Comentário:

Categorias:
Arquivos: